Home / Mix de produtos / Como escolher cores para a coleção

Como escolher cores para a coleção

Na hora de começar uma coleção, você sabe definir as cores para ela? Sabia que esse é um passo muito importante no sucesso de toda e qualquer coleção? Sendo importante assim, o que devo fazer para escolher as cores que façam sentido e tragam sucesso para meu lançamento?

É o que voê saberá melhor a partir de agora, confira com a gente!

Porque a escolha é importante

A princípio escolher as cores de uma coleção pode parecer algo trivial, e feito aleatoriamente. Mas não, as cores representam muito mais do que uma primeira impressão.

Cores podem agir psicologicamente nas pessoas. Cada cor emite sensações e sentimentos em que a vê, mesmo que você não perceba isso. É a chamada teoria das cores, que falaremos mais para a frente aqui no blog. Mas de que maneiras essa escolha pode ser feita?

Definição do tema

Toda coleção tem alguns detalhes,  como o tipo de linha (modinha, camisaria, moda praia), segmento (masculino, feminino, infantil), posicionamento (qualidade, preço, custo-benefício, novidade) entre outros fatores. Quando se escolhe um tema, ele deve conduzir cada um desses pontos, e os pontos devem justificar a escolha do tema ao mesmo tempo.

Existem outros fatores que acontecem na criação de uma coleção, mas a escolha das cores se torna importante a partir da escolha do tema. É com o tema que buscaremos nossas inspirações para a escolha.

E agora, basta usar as tendências?

Não! Por mais que seja tentador simplesmente utilizar as cores que estão em alta, é necessário fazer um estudo que justifique essas escolhas. Essa pesquisa visa elaborar uma cartela de cores, que são as cores que comporão sua coleção.

Geralmente são escolhidas 8 cores, onde 4 são frias e 4 quentes, adicionando-se além delas o preto e branco, se for o caso. Mas esse não é nenhum número cabalístico, podendo mudar de acordo com a coleção. Espera-se que essa escolha seja coesa, de forma que as cores ‘conversem’ umas com as outras e sejam agradáveis em cada combinação.

Combinando cartela de cores com o tema

Se você optou por uma coleção gótica, as cores de sua cartela deverão ser mais escuras e tendendo ao preto, tendo em vista a escolha do tema. Se a coleção é romântica, as cores claras e tons pastéis são as melhores escolhas.

Coleções para jovens costumam contar com cores fortes, pois diz-se que são mais propensos aos estímulos externos, como as tendências de moda.

Se a roupa é para o público feminino, deve-se analisar o que foi tendência nos anos anteriores, e buscar algo diferente, tendo em vista que este público é mais aberto à mudanças, o que pode ser visto na troca das tendências a cada ano.

Esses exemplos acima são apenas para mostrar os resultados que são esperados na hora de fazer a pesquisa que direcionará as cores da coleção.

Outros fatores que influenciam nas cores

Não é importante visualizar apenas o público-alvo, mas outros detalhes, como a matéria-prima que será usada, por exemplo. Busque ao máximo seguir a cartela de cores do fornecedor de matéria-prima. Pense o seguinte: toda uma cadeia de fios e tecidos se preparou e apostou em determinadas cores para lançar no mercado. Portanto, há muito mais chances que as cores que esses fornecedores estão apostando sejam as mais vendidas. Resista à tentação de desenvolver cores exclusivas quando for possível.

Nem todos os tecidos combinam com todas as cores, sendo necessário então haver um equilíbrio entre todos os detalhes.

Além disso, um equilíbrio entre as cores que são tendência no mercado com cores consideradas neutras/básicas é muito bem-vindo, pois ele ajudará nas vendas. Você consegue realizar esse balanceamento construindo um bom mix de produtos, com equilíbrio entre produtos básicos, de moda e de vanguarda. De nada adianta lançar produtos que as pessoas não se vejam os utilizando, não é mesmo?

De onde vêm as cores dos tecidos

Depois de falarmos tanto sobre cores e como defini-las, você pode estar se perguntando: quem diz quais cores serão tendência a cada ano, e quem é referência nesse assunto?

A verdade é que há toda uma cadeia industrial que estuda as cores que serão aposta para a coloração dos fios tecidos, sejam eles naturais (como o algodão), artificiais (como a viscose) ou sintéticos (como o poliéster). Daí para a frente a cadeia têxtil e de vestuário apenas segue o fluxo: os tecidos são produzidos com os fios já coloridos na indústria anterior, as roupas são confeccionadas com esses tecidos e, assim, essas cores estudadas e criadas cerca de 2 anos antes chegam nas vitrines das lojas.

Você já ouviu falar na Pantone? Ela é uma empresa americana fundada em 1962, e possui um sistema de cores criado pelo fundador da empresa, Lawrance Herbert. A ideia dele era criar um padrão de cores que fossem usados em projetos gráficos, evitando diferentes abordagens de cada profissional.

Desde então a escala Pantone se tornou padrão mundial em design, sendo usado por empresas como Coca-Cola e até na definição das cores das bandeiras de muitos países. Para manter esse padrão, tendo em vista que tanto cores como tendências se degradam com o tempo, a cada ano é divulgado um relatório pelo Pantone Color Institut, órgão responsável por estudar e definir quais serão as cores do próximo ano.

Para a escolha dessas cores são utilizados diversos fatores, até mesmo a situação política e econômica atual, como visto, por exemplo, na escolha das cores Rosa Quartz e Serenity como forma de gerar sensações de paz e segurança em meio aos conflitos que atingiam boa parte do Oriente Médio em 2016.

E você, tem dúvidas sobre como colorir sua coleção?

Estamos aqui para te ajudar. Mesmo com as dicas, sabemos que você pode ainda encontrar outras dúvidas, afinal, uma postagem não vai resolver todas as dúvidas de cores do mundo.

Estamos planejando lançar novos posts falando sobre cores, mas se você tem dúvidas, entre em contato conosco pelos links abaixo! Será um prazer te ajudar a como escolher cores para a coleção.

Sobre Luiza Freitas

Co-founder e Presidente da Fashion Office Especialista em Planejamento e Gestão da Coleção

Veja também

Tipos de bojo para lingerie e moda praia

Por mais que as tendências apontem para sutiãs sem bojo, as mulheres brasileiras não abrem …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Watch Dragon ball super