Home / Empreendedorismo e negócios / Como começar uma empresa de moda

Como começar uma empresa de moda

Então você quer começar uma empresa de moda? Se você acha que vai ser fácil, pense novamente: o empreendedorismo é uma jornada que exige muito tempo, esforço e trabalho árduo. Mas, se você acha que está pronto para começar seu primeiro negócio, aqui está uma visão geral passo a passo do que você precisa fazer para que isso aconteça.

Todo novo negócio começa com uma ideia. Talvez haja algo que você realmente conheça e se apaixone, ou talvez você ache que encontrou uma maneira de preencher uma lacuna no mercado.

Onde quer que seus interesses estejam, é quase garantido que existe uma maneira de transformá-lo em um negócio. É necessário um grande esforço pessoal, mas, se sua empresa sobreviver, as recompensas do empreendedorismo valem os obstáculos que você enfrentará na estrada para o sucesso.

Para começar uma empresa de moda é preciso buscar um diferencial

Uma vez que você reduziu sua lista de ideias para uma ou duas, faça uma busca rápida por marcas de moda existentes no segmento escolhido. Saiba o que os líderes dessas empresas estão fazendo e descubra como você pode fazê-lo melhor. Ou seja, faça uma pesquisa de mercado, mesmo que seja por conta própria.

Se você chegou à conclusão que sua empresa pode oferecer algo que outras empresas não realizam (ou entregam o mesmo, mas mais rápido e mais barato), você tem uma ideia sólida e está pronta para criar um plano de negócios.

Crie um plano de negócios

Agora que você tem sua ideia no lugar, você precisa se perguntar algumas questões importantes: qual o objetivo do seu negócio? Para quem você está vendendo? Quais são os seus objetivos finais? Como você vai financiar seus custos de inicialização? Todas essas questões podem ser respondidas em um plano de negócios bem escrito.

Um plano de negócios ajuda você a descobrir onde sua empresa está indo, como ele superará quaisquer dificuldades potenciais e o que você precisa para sustentá-la.

Para começar uma empresa, avalie suas finanças

Começar qualquer negócio tem um preço, então você precisa determinar como você vai cobrir esses custos. Você tem os meios para financiar ou você precisará emprestar dinheiro?

Se você está planejando começar uma empresa como trabalho em tempo integral, é aconselhável esperar até que você tenha pelo menos algum dinheiro para os custos de inicialização e para se manter no começo antes de começar a fazer lucro.

Enquanto muitos empresários colocam seu próprio dinheiro em suas novas empresas, é muito possível que você precise de assistência financeira no começo de sua jornada. No entanto, os especialistas em finanças recomendam evitar empréstimos no início do negócio, já que os riscos são altos e as taxas de juros do mercado não estão favorecendo os empreendedores no momento.

Determine sua estrutura legal de negócios

Antes de registrar sua empresa, você precisa decidir qual é o tipo de entidade. A estrutura do seu negócio afeta legalmente tudo. Se você possui o negócio inteiramente para si e planeja ser responsável por todas as dívidas e obrigações, você pode se tornar um MEI – Micro Empreendedor Individual. Apesar de limitar o faturamento anual, você terá um imposto mensal muito abaixo das outras modalidades de negócio e não tem a obrigatoriedade de possuir um contador.

No entanto, o MEI não faz separação legal entre o patrimônio da empresa e o do empreendedor. Caso isso seja importante para você, considere abrir o CNPJ como EIRELI.

Alternativamente, uma parceria, como o próprio nome indica, significa que duas ou mais pessoas são pessoalmente responsáveis ​​como donos de empresas. Se você quiser separar sua responsabilidade pessoal da responsabilidade da sua empresa, você pode querer considerar formar um dos vários tipos diferentes de corporações, como as empresas tipo LTDA, por exemplo.

Isso torna uma empresa uma entidade separada além de seus proprietários e, portanto, as corporações podem possuir propriedade, assumir responsabilidade, pagar impostos, celebrar contratos, processar e ser processado como qualqur outro indivíduo.

Em última análise, depende de você determinar qual o tipo de entidade que é melhor para suas necessidades atuais e metas comerciais futuras.

Selecione sua tecnologia

Todos os tipos de negócios hoje precisam de um sólido conjunto de ferramentas de tecnologia para operar, não importa qual nicho do mercado se encontram.

No caso da moda, você precisará de um computador potente e confiável ao trabalhar com e-commerce, além de uma internet rápida e segura. Se a sua estratégia é a venda offline, as ferramentas ficam mais limitadas à parte da gestão da empresa, necessária independentemente da estratégia de venda que você adote para a empresa.

Atualmente muitos softwares funcionam na nuvem para execução da pesquisa e desenvolvimento do produto – como pesquisa de tendências e fichas técnicas, por exemplo – além de sistemas para controle de vendas e estoque – no mercado existem diversas opções de CRM e ERP que são úteis para marcas de moda.

Dê um passo de cada vez

O mais importante de tudo é: dê um passo de cada vez! Se você está abrindo um negócio de moda por um sonho ou por ter identificado um potencial de mercado, não importa. Tenha foco no negócio e dê um passo de cada vez para caminhar firme rumo ao sucesso da sua marca de moda.

Se você esta precisando de ajuda para começar uma empresa de moda ou se precisa dos serviços certos para pesquisa e desenvolvimento de produto, acesse www.fashionoffice.com.br e descubra como você pode fazer mais pelo seu negócio de modo fácil e ágil, e assim trilhar um caminho de sucesso junto com parceiros importantes.

Sobre Luiza Freitas

Co-founder e Presidente da Fashion Office Especialista em Planejamento e Gestão da Coleção

Veja também

Como calcular o markup da minha coleção

Quem trabalha com moda pode se encontrar com a seguinte dúvida: como calcular a fórmula …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Watch Dragon ball super